Spam Universitário: diga não à VII Olimpíada da Computação PUC Poços de Caldas

PoFrequentemente tenho recebido aqui no blog posts com o texto “VII Olimpíada da Computação Poços de Caldas”. Intrigado para saber o que é isso, resolvi pesquisar e cheguei à página http://www.inf.pucpcaldas.br/olimpiada2009/index.php?page=desafios&id=1 .

Parece que a tal “olimpíada” consiste em criar uma Google Bomb, uma tática muito utilizada que permite enganar o motor de buscas do Google. Essas táticas já renderam muitas polêmicas, por exemplo: há algum tempo atrás, quando você digitava “atriz gorda” no Google, ele sugeria pesquisar por Preta Gil, o que até rendeu um processo para a empresa de Mountain View.

Agora, por causa disso, esses universitários, que serão “profissionais”, estão colocando SPAM em vários blogs e sites para promover os textos ou sites das equipes. A equipe vencedora será aquela cujo texto ou site aparecer em primeiro quando se buscar por “VII Olimpíada da Computação” no Googlàs 23:59 do dia 20 de Maio próximo. Que lindo!

Não me adimira que uma universidade baseada nos decadentes princípios da Igreja Católica tenha tido essa idéia sensacional. É um exemplo a ser seguido: encher a web de spam. Para mim, a atitude de colocar esses posts com links nos blogs alheios é comparável ao crime de pixação, pois eles estão invadindo o espaço alheio sem autorização e conhecimento do dono dos blogs com o único objetivo de promover a si mesmos.

Aqui neste blog, o Askmet já está configurado para colocar todos os textos com a frase “VII Olimpíada da Computação” na lata de lixo de spam. E se você é dono de um blog, sugiro que faça o mesmo. Vamos mostrar para esses “gênios universitários” que a web tem, sim, regras que devem ser seguidas e que ninguém é obrigado a participar dessas gincanas que não levam a lugar algum.

Anúncios

Como desperdiçar poder de processamento

Não se preocupem, era um Celeron...

Não se preocupem, era um Celeron...

Aniversário do sobrinho da minha madastra. Vejam a idéia genial que o cara teve. O pior foi uma música do Bruno e Marrone cantada como rítimo de Pagode. A todo volume.

CD sobre genética da Roche

Há algum tempo eu havia visto nesses sites que têm endereços de pedir coisas grátis pela Internet que a Roche, uma grande indústrua farmacêutica, estava oferecendo gratuitamente um CD sobre genética. Fui lá e preenchi o formulário. Na época, ao pedir o cd em Português, havia uma mensagem de que essa versão estava fora de estoque ou algo assim. Azar, pensei eu, vou pedir assim mesmo!

Ontem, quando uma tia minha que estava aqui estava voltando pra casa, ela percebeu que havia algo na caixa de correio:

Envelope que veio pelo Correio. Que meda!

Envelope que veio pelo Correio. Que meda!

Primeiramente eu me assustei: o que seria aquele carimbo “Liberado” ? Será que a Receita Federal estaria começando a pegar no meu pé? Nem imaginava o que era aquilo e, então, ao ver ologotipo da Roche, lembrei-me do que havia solicitado. Pensara, entretanto, que eles haviam mandado o cd em Inglês. Qual não foi minha grata surpresa quando abri o pacote e…

CD qye veio no envelope. Note a tentativa de fazer uma foto profissional :D

CD que veio no envelope. Note a tentativa de fazer uma foto profissional 😀

Sim! O CD multimídia em Português! Com narração e tudo! Uma fantástica viagem pelo DNA e pela genética, ideal para quem está prestando Vestibular ou no Ensino Médio.

Se você quiser pedir uma cópia, basta preencher o formulário em http://www.roche.com/research_and_development/r_d_overview/education/order_form_roche_genetics_education_programm.htm . A opção Português está disponível de novo.

Muito bem, de graça eu já recebi esse CD e o CD do Solaris. Vamos ver se eu recebo o Ubuntu em Junho.

É claro e evidente que o CD menciona apenas compatibilidade com Mac e Windows, mas como a apresentação se dá em uma janela do navegador através de uma animação em Flash, é possível usá-lo no Linux.

Videotutorial: permissões de arquivos e pastas no GNU/Linux

Depois de algum tempinho, eis um novo videotutorial, dessa vez explicando de forma simples e clara as permissões de arquivos e pastas e a utilização do comando chmod, assunto fundamental para usuários finais, administradores de rede e profissionais da web.

Observação: não sei o por quê do áudio ter ficado dessincronizado a partir de dado momento, mas ainda assim é possível entender tudo.

Significado dos números dos modelos dos telefones Nokia

Recentemente, troquei meu antigo aparelho celular, um Siemens C72, por um Nokia 2630. Ele não é um modelo top de linha, mas supre minhas necessidades, tendo câmera que tira fotos e filma, rádio FM e MP3.

Sempre tive curiosidade de saber se os números do modelo do telefone tinham algum significado especial e, depois de algumas pesquisas, descobri que SIM, eles têm. Acompanhe o resumo desse post no fórum da Nokia:

1xxx Modelos básicos
2xxx Expressão básica
3xxx Expressão jovem
4xxx Não existe devido a problemas com as linguagens asiáticas (o pessoal de lá acredta que o número 4 está relacionado à morte)
5xxx Ativo
6xxx Negócios clássicos (no caso um modelo básico executivo)
7xxx Fashion ou experimental
8xxx Design e premium
9xxx Série Communicator

N-series Smartphones multimídia High-end
E-series Smartphones High-end para negócios
N-gage Telefones voltados para jogos

Assim, com base nessa lista, que segmenta os consumidores dos aparelhos, você já pode ter uma idéia dos recursos de um telefone Nokia.

Publicado em Nokia. Leave a Comment »

Resultados do dia Primeiro de Abril

Como hoje foi o dia da mentira, eu aproveitei e bolei uma história de que o cantor Paulo Ricardo iria processar a Red Hat por ela usar o nome RPM nos seus pacotes.

Neste blog, ninguém comentou;

No fórum do GDH, um moderador apagou o post;

No BR-Linux, foi um sucesso total!

Cantor brasileiro obriga Red Hat a mudar nome de seu gerenciador de pacotes

Se você é um feliz usuário de alguma distribuição que usa pacotes RPM, prepare-se: o nome dos pacotes vai mudar!

Tudo isso porque o cantor Paulo Ricardo descobriu que o nome da sua banda estava sendo utilizado de forma indevida pela empresa, que não pagou a ele os royalties devidos. “O nome é meu, eles não têm o direito de sair usando assim, sem mais nem menos”, afirmou o popstar à revista Veja.

Para evitar tomar um processo milhonário, a Red Hat concordou em mudar o nome de seus pacotes para RHPM, mudança esta que deverá entrar em vigor na próxima versão dos sistemas Red Hat Enterprise e Fedora. Além disso, como parte do acordo, o usuário irá ouvir a música Alvorada Voraz durante o processo de instalação desses sistemas. Especialistas estão preocupados com as mudanças, visto que várias outras distribuições, como Mandriva e OpenSuSe, também usam o formato de pacotes. Além disso, a mudança no nome quebrará vários scripts de instalação e a compatibilidade com programas antigos, o que causará confusão e vários prejuízos à indústria.

Feliz dia da mentira!